.Tomaram café ..


windows 8 registry tweaks

.mais sobre mim

.Coisas que escrevi:

. ...

. Estafadêra...

. ...

. Lição de Inglês - Nº. 3

. Enfardar

. Felicidade

. Bacalhau escondido à minh...

. As velhotas na missa

. Dúvida do dia.

. A Vingança

.arquivos

. Setembro 2011

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

Terça-feira, 11 de Janeiro de 2005

Para a Pequena (a mais nova)

rainbow2.bmp

Toda ela é contradição...
Um amor-perfeito, rosa com espinhos e tudo.
Pequenita e lutadora, maneirinha mas valente..
Delicada, perfumada e doce, meiga e arisca,
Aspecto feminino e frágil, e vulcão quase a explodir.
Olhos brilhantes espelham-lhe a alma imensa
Curiosa, perspicaz, romântica e risonha.

Move-se, irrequieta, qual borboleta azul
Dedos longos e finos em mãos esguias,
Que tudo tocam, tudo sentem, tudo vêem.
Ela nunca vai por onde lhe indicam (nunca foi!)
Questiona, duvida, responde, refila e contrapõe.
Mas quando te brinda com aquele sorriso rasgado
É como se as nuvens no céu se afastassem
E o sol espreitasse só para a ver..

Ela é o fechar perfeito do triangulo
Sempre equilátero mas nunca equilibrado,
Ela é o branco mais branco e o negro profundo
e todas as cores em arco que vai de um a outro..
É a pimenta e o mel, canela, cacau e gengibre
Ela é aquela pitadinha de sal que tempera a vida..

(Carricinha, és muito muito especial, tu sabes. )

escrevinhado por Mikas às 17:26

link do post | Diz-me o que pensas | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 15 de Janeiro de 2005 às 23:08
hmmm :)))) another dreamer...
Oferece-lhe uma guitarra e um dos meus poemas.
Dá-lhe sons que sobreponham as palavras que não consegue dizer...
Ela fará o sonho sózinha.
Acredita em mim.
;-)
Gitano
(http://nofundodagarrafa.blogs.sapo.pt)
(mailto:elgitano1973@yahoo.com)


Comentar post

.subscrever feeds