.Tomaram café ..


windows 8 registry tweaks

.mais sobre mim

.Coisas que escrevi:

. ...

. Estafadêra...

. ...

. Lição de Inglês - Nº. 3

. Enfardar

. Felicidade

. Bacalhau escondido à minh...

. As velhotas na missa

. Dúvida do dia.

. A Vingança

.arquivos

. Setembro 2011

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

Sexta-feira, 6 de Agosto de 2004

Para o meu Príncipe .

heart1.bmp


Eu sei que um dia deixarás de ser só meu,
O teu olhar verde profundo esconde tesouros
E esse jeito tímido, sorriso maroto, vai vaguear por aí
Um dia, quando quiseres, vais crescer asas e partir.
Mas até então partilhemos as coisas, meu Príncipe.
Troquemos carinhos e conversas banais e profundas,
Discutamos ideias, ora em sintonia ora em desacordo
Ri-te das minhas piadas e eu rio-me da tua ironia.
E quando seguires o teu rumo pela estrada que a vida traçou
Para onde fores, saberás sempre que tens aqui um abrigo
E eu sei que tenho de ti sempre o carinho
De alguém que me aceita e ama como sou.


(para o melhor filho e amigo que uma mãe poderia ter)



escrevinhado por Mikas às 11:39

link do post | Diz-me o que pensas | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 18 de Agosto de 2004 às 22:06
"De alguém que me aceita e ama como sou."

A última fronteira... o amor puro.


Gitano
</a>
(mailto:gitano@aeiou.pt)


Comentar post