.Tomaram café ..


windows 8 registry tweaks

.mais sobre mim

.Coisas que escrevi:

. ...

. Estafadêra...

. ...

. Lição de Inglês - Nº. 3

. Enfardar

. Felicidade

. Bacalhau escondido à minh...

. As velhotas na missa

. Dúvida do dia.

. A Vingança

.arquivos

. Setembro 2011

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Março 2007

. Janeiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

Terça-feira, 20 de Dezembro de 2005

O Pai Natal teve um dia mau

grumpy.jpg


Certa época de Natal, há muitos, muitos anos, o Pai Natal estava atarefado a tentar pôr tudo pronto a tempo. Quatro duendes tinham adoecido e ele estava a começar a ficar stressado pois via que as encomendas estavam atrasadas.


Para agravar a situação, a Mãe Natal informou-o que a mãe dela vinha passar o Natal com eles esse ano. Logicamente, o nível de stress aumentou logo.


Ele resolve ir atrelar as renas e verifica que 3 machos se tinham pirado atrás de fêmeas na noite anterior, e um dos que ficaram estava com um casco encravado. Mais stress.


Começou a carregar o trenó e um dos sacos rebentou, espalhando um monte de brinquedos pelo meio da lama.


Frustrado, o Pai Natal resolve ir para dentro de casa, tomar uma copada de rum a ver se acalmava. Ao dirigir-se ao armário, verifica que os sacaninhas dos duendes lhe tinham acabado com a pinga.

Já pelos cabelos, mandou um pontapé no armário, atirando com 4 copos de cristal caríssimos e que a mulher muito estimava. Para evitar ouvir um sermão, foi a correr buscar a vassoura, só para descobrir que os ratos tinham roído a palha da vassoura. Estava ele todo furioso a vociferar impropérios, a tentar apanhar os cacos com a escova de engraxar as botas, quando alguém toca à campainha.


Danado e muito contrariado, lá foi ele abrir a porta. Abre a porta e do lado de fora estava um anjinho todo querido e fofo, com um grande pinheirinho de Natal nos braços.

E diz o anjinho todo feliz: “Feliz Natal, Pai Natal! Que lindo dia está, não acha? Trago-lhe este lindo pinheirinho de Natal. Onde quer que o meta?”

Foi a gota de agua.

“Estás a gozar comigo tu também? Anda cá meu sacaninha que eu já te digo onde podes meter a merda da árvore”…


E foi desta forma que nasceu a tradição do anjinho no cimo do pinheirinho.



escrevinhado por Mikas às 16:23

link do post | Diz-me o que pensas | ver comentários (2) | favorito

Simple

guitarman.jpg

All he ever wanted was a simple life.
And a woman sweet enough to share it with.
And for a while it seemed that's what she wanted too.

He was the quiet type, a bit shy perhaps
Never took it fast if he could take it slow,
And for a while she seemed to love his gentle way.

All he ever wished for was what was within his reach
He never dreamt too far ahead or up too high
And for a while she gladly shared his simple plans.

But some Women are such complicated souls
They long for more, they stretch to catch the stars.
They want not what they have, but what seems hard to get.

So now she's off on a journey to discover fields afar
Who knows what she may find in pastures new.
Perhaps a dark surly stranger, exciting and new.

And here he is, among his tattered long-read books,
Listening to his well known tunes, humming in time,
Gently strumming his guitar, watching the sun go down.

Stringing along, day in, day out, same as yesterday,
Living not for now, not for tomorrow, just waiting,
Not wishing, not hoping, no plans for the future.
Just a simple life, that's all he ever wanted.


escrevinhado por Mikas às 14:19

link do post | Diz-me o que pensas | favorito

Quarta-feira, 14 de Dezembro de 2005

Os discos de Natal

carolers.jpg

Vem a época do Natal, e por mais que a gente queira escapar, iremos sempre levar com a edição dos diversos CD's alusivos à época. Ou mais precisamente, gravados com o firme propósito de nos sacar o guito nesta época.

Eu sinceramente.. pá, quer-se dizer..qual é a piada de se comprar um disco com o Jingle Bells ou a do Rudolph the red-nosed Reindeer? Tem muita mais graça sermos nós lá em casa a cantar. E se um dos vocalistas já estiver com a borracheira, tem mais piada ainda.

E não me venham dizer : Ai, as crianças gostam e tal.. A maioria desses discos é em inglês, certo?
Já estou a imaginar os filhinhos a acompanharem a letra. Pois.

E que dizer das nossas dondocas que aparecem na TV e nas revistas e que fazem caridadezinha e resolveram editar um disco por esta altura, com musicas, supostamente para crianças portuguesas com o inspiradíssimo titulo: "Lovely Mummy and Baby" (desculpem, não sei se é Mummy ou Mommy - depende se optaram pelo inglês-inglês ou inglês-americano)..?? Por onde começo? Pelo facto de se auto-entitularem "lovely" sendo que grande parte delas são feias cumó catano e devem muito à simpatia. Pelo facto de darem um título em inglês a um disco, desrespeitando completamente a nossa língua mãe - belo exemplo, madames . Ou pelo facto de parecerem umas cabritas desmamadas a barregar pela progenitora. Enfim, somos o país que somos, e fica sempre bem no retrato... e as sessões de fotos e filmagens para aparecer na Cinco Estrelas são sempre divertidas.

Daqui até ao dia 26 ainda vamos poder certamente assistir na TV às 50 Melhores Canções de Natal..sendo o momento alto uma interpretação do "Noite Feliz" pelo Marco Paulo, de olhos fechados e em pose de oração (com o rosário entre mãos), sob o olhar embevecido da sua melhor amiga, Lili Caneças.

Dasse..


escrevinhado por Mikas às 15:55

link do post | Diz-me o que pensas | ver comentários (2) | favorito

Sexta-feira, 9 de Dezembro de 2005

Aqui, ali e além.

child.jpg


Ali alguém agarra a vida com toda a força.
Mais além, alguém desiste e depõe a vontade de viver.
Ali alguém rodopia e ri de alegria.
Mais além alguém se enrosca no choro profundo.
 
 
Ali alguém estende uma mão a outro alguém.
Mais além alguém ignora e finge que nem vê.
Ali alguém jura amor até ao fim dos tempos
Além alguém parte sem nada dizer.
 

Ali uma mulher recebe rosas de quem a ama
Além um homem põe rosas na campa de quem o amou.
Ali alguém chega com  alegria e abraços
Além alguém está de partida sem sequer um adeus.
 

Ali nasce a esperança no rosto dum novo rebento
Além uma mãe chora a perda dum filho adorado
Ali há festejos por mais um triunfo obtido
Além alguém se lamenta de mais um fracasso.
 

Ali alguém encontra a paz e o conforto
Além alguém sofre sem tréguas da dor.
Ali alguém sonha o futuro brilhante
Alem alguém se resigna a viver como pode.


Ali alguém ostenta a fartura que tem
Além alguém pede, para matar a fome
Ali alguém valoriza o que não tem valor
Além um menino só quer um pião p'ra brincar.
 

Aqui, ali e além,
Alguém que sente.
Eu sinto. E tu?

escrevinhado por Mikas às 15:34

link do post | Diz-me o que pensas | favorito

.subscrever feeds